A disciplina “Luta” no currículo do Curso de Educação Física da Universidade do Estado de Mato Grosso

João Batista de Andrade NETO

Resumo


Esta pesquisa busca resgatar informações que fizeram e fazem parte de diferentes momentos históricos da disciplina “Luta” do Curso de Licenciatura Plena em Educação Física da Universidade do Estado de Mato Grosso. Entende-se que os esportes de combate (Lutas) possuem importância social e cultural. Com base nesse entendimento, procuramos recuperar informações acerca da inclusão e evolução do ensino da disciplina “Luta” deste Curso, no período de 2006 a 2010. Verifica-se um acentuado descontentamento por parte dos alunos com a falta de professores qualificados e com práticas pedagógicas ultrapassadas, inexperiência e constantes mudanças do quadro docente. Porém, foi constatada uma tendência ao desaparecimento e desinteresse dessa disciplina por parte de docentes e discentes. Os dados demonstram que a prática das Lutas por pessoas não qualificadas, tende a desestimular o potencial criativo tanto do aluno como do professor no processo de ensino- aprendizagem, embora alguns alunos se adaptem melhor aos movimentos de determinadas modalidades. Consideramos que a partir do método aqui proposto, pode iniciar-se o ensino das Lutas com ênfase nas “razões do fazer”, significando ainda mais o aprendizado e permitindo que ele seja explorado nos diversos contextos (clubes, academias, escolas).

Palavras-chave: educação física; cultura corporal; lutas.




Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .