Concepções e perspectivas de professores de mato grosso sobre a educação empreendedora e redes cooperativas

Marcelo Franco Leão, Lucy Gutiérrez de Alcântara, Miguel Julio Zadoreski Junior, Silvana Martins, Márcia J. Hepp Rehfeldt

Resumo


O presente artigo tem como objetivo estimular a reflexão sobre educação emprendedora e redes colaborativasnas instituições de ensino, bem como analisar as concepções e perspectivas dos professores que nelas atuam. Aeducação aqui abordada vem ao encontro de uma educação de qualidade, humana, significativa e capaz detransformar a sociedade com uma proposta mais dinâmica, reflexiva, onde predomina a criatividade, inovação eautonomia dos sujeitos. Este estudo configura-se como uma pesquisa de campo, cuja abordagem é qualitativa.Para coletar dados, foram entrevistados três professores de diferentes instituições (CEJA, IFMT e SENAI) emodalidades de ensino (Educação de Jovens e Adultos, Ensino Médio Profissionalizante e AperfeiçoamentoProfissional) localizadas nas cidades de Barra do Bugres e de Juína, ambas do estado de Mato Grosso. Asrespostas dadas aos treze questionamentos possibilitaram compreender as concepções que estes professorestrazem acerca do tema e se estes consideram suas instituições como emprendedoras e/ou cooperativas. Pode-seconcluir que os respondentes enfatizam, por meio das indicações nas respostas, as características de um professorempreendedor como sendo aquele que é flexível, motiva a criatividade, busca a inovação em suas aulas e quesabe aproveitar as oportunidades.

Palavras-chave: educação empreendedora; redes colaborativas; prática pedagógica.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .