O desenvolvimento de práticas musicais no ensino da química para a educação de jovens e adultos

Marcelo Franco Leão, Mônica Maria Ormelinda de Jesus Costa, Eniz Conceição Oliveira, José Claudio Del Pino Claudio Del Pino

Resumo


Utilizar a música no ensino contribui significativamente para aprendizagem dos estudantes, pois oportuniza novas formas de obtenção, construção e reconstrução do conhecimento. Este estudo descreve a utilização de uma estratégia de ensino que utilizou a música para tornar o aprendizado de Química mais agradável e significativo. Seu desenvolvimento ocorreu no 2º semestre de 2012, com estudantes do 1º Ano do Ensino Médio do Centro de Educação de Jovens e Adultos “15 de outubro” de Barra do Bugres –MT. A turma foi dividida em grupos para a construção de paródias que elucidassem os conceitos estudados. Os resultados permitiram constatar que houve maior compreensão da Tabela Periódica e da constituição das substâncias da natureza. As paródias elaboradas e apresentadas levaram os estudantes a trabalharem de forma coletiva e comprometida. Também aumentou o fluxo de visitação na sala de multimídias. Por meio do fazer musical foram desenvolvidas importantes habilidades como a percepção, a sensibilidade, a criatividade e a imaginação. O desenvolvimento dessa estratégia de ensino permitiu construir aprendizados significativos num ir e vir entre Ciências e Artes.

Palavras-chave: estratégia didática; práticas musicais; ensino de Química; paródia; vínculo emocional.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .