Inclusão escolar de alunos com Síndrome de Irlen

Marília Santana Alves, Caroline Lauren Souza Veloso, Simone Cristina Vieira Soares Amorim

Resumo


A Síndrome de Irlen é uma alteração visuoperceptual em que sinais e sintomas são evidenciados nos momentos de maior demanda de atenção visual, como nas leituras, podendo ocasionar dificuldades escolares. Diante disso, este estudo objetivou analisar, em termos qualitativos, a inclusão escolar de alunos com Síndrome de Irlen em um Município do Norte de Minas. Para tanto, sete professoras, seis alunos do ensino fundamental e seus pais ou responsáveis, responderam a um questionário semiestruturado. Este questionário abordava os sinais e sintomas apresentados pelos alunos com a síndrome, as melhoras e pioras percebidas após o diagnóstico e as intervenções realizadas, cujos resultados foram submetidos às análises de conteúdo e estatística descritiva. Os resultados mostraram que há uma incongruência nas percepções de pais, alunos e professores no que se referem ao conceito da Síndrome de Irlen, seus sinais e sintomas. Evidenciou-se também que o conhecimento sobre irlen e suas consequências é escasso ainda, resultando na pouca utilização de medidas inclusivas específicas para as demandas educacionais apresentadas para os alunos com a síndrome, como as overlays. Ademais, apesar das overlays serem distribuídas gratuitamente, por diversos motivos não é utilizada, o que colabora para o aumento das dificuldades de aprendizagem vivenciadas pelos alunos com a síndrome.

Palavras-chave: Síndrome de Irlen; inclusão; deficiência visual; screener.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .