A relação professor-aluno na construção do conhecimento

Maiby Gisele Wagner, Edneuza Alves Trugillo

Resumo


A presente pesquisa aborda o tema Relação Professor-Aluno, analisando as diferentes situações e comportamentos destes, frente às diversas problemáticas existentes no contexto escolar. Neste sentido, contextualizando a realidade dos alunos e dos professores de uma turma de terceiro ano de uma Escola Pública do Município de Sinop - MT, trazendo como abordagens teóricas fundamentadas em Henry Wallon, Vygotsky, Mirian Goldenberg, Valéria Amorim Arantes, Nelson Piletti, Maximiliano Menegolla, Pedro Morales, Paulo Freire, Ana Rita Silva Almeida. Foram observados a relação destes sujeitos, com a afetividade, as metodologias, as práticas docentes, a expressividade, a dedicação do profissional, o comportamento dos alunos e as avaliações e opiniões destes e de sua professora. Como escolha metodológica optamos pela pesquisa qualitativa, o estudo de caso. Para obtenção dos dados foram desenvolvidas entrevistas semi-estruturadas e observações in loco. Durante as observações constatou-se que a relação harmoniosa entre os sujeitos (professores-alunos) é fundamental para a melhor aprendizagem.

Palavras-chave: educação; relação de professores e alunos; afetividade; aprendizagem.


Referências


ALMEIDA, Ana Rita Silva. A emoção e o professor: um estudo à luz da teoria de Henry Wallon. Psicologia: Teoria e Pesquisa, Brasília, vol.13, n.2, p. 239-249, maio/ago. 1997.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

GOLDENBERG, Mirian. A arte de pesquisar. Rio de Janeiro: Record, 2003.

MENEGOLLA, Maximiliano. E agora, professor? 3. ed. Porto Alegre: Mundo Jovem, 1989.

MORALES, Pedro. A relação professor-aluno: o que é, como se faz. São Paulo: Edições Loyola, 1999.

OLIVEIRA, Marta Kohl de; REGO, Teresa Cristina. Vygotsky e as complexas relações entre cognição e afeto. ARANTES, Valéria Amorim (Org). Afetividade na escola: alternativas teóricas e práticas. São Paulo: Summus, 2003.

PILETTI, Nelson. Psicologia Educacional. São Paulo: Ática, 2004.

PRADO, Maria. Articulações entre áreas de conhecimento e tecnologia: articulando saberes e transformando a prática. In: ALMEIDA, Maria; MORAN, José (Orgs.). Integração das tecnologias na educação. Secretaria de Educação a Distância. Brasília: Ministério da Educação, Seed, 2005.

ENTREVISTAS

ALUNO J. Aluno J: depoimento. [6 dez. 2010]. Entrevistadora: Maiby Gisele Wagner. Sinop, MT, 2010. mp4 (6 min 15 seg). Entrevista concedida para a Monografia sobre A Relação Professor-aluno na Construção do Conhecimento.

ALUNO L. Aluno L: depoimento. [6 dez. 2010]. Entrevistadora: Maiby Gisele Wagner. Sinop, MT, 2010. mp4 (9 min 38 seg). Entrevista concedida para a Monografia sobre A Relação Professor-aluno na Construção do Conhecimento.

PROFESSORA C. Professora C: depoimento. [6 dez. 2010]. Entrevistadora: Maiby Gisele Wagner. Sinop, MT, 2010. mp4 (23 min 12 seg). Entrevista concedida para a Monografia sobre A Relação Professor-aluno na Construção do Conhecimento.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Área do conhecimento: Ciências Humanas

Ano de fundação: 2010

ISSN: 2236-3165

DOI: 10.30681/2236-3165

Título abreviado: Even. Pedagóg.

E-mail: eventospedagogicos@unemat-net.br

Unidade: Faculdade de Educação e Linguagem - FAEL

Avaliação QUALIS Quadriênio 2013-2016: B1 Ensino; B3 Planejamento Urbano e Regional / Demografia; B4 Ciências Ambientais; B4 Educação Física; B4 Interdisciplinar; B4 Linguística e Literatura; B4 Sociologia.

cope_75 Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

88x31_88 Este periódico está licenciado sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 3.0 Não Adaptada. http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/deed.pt_BR