A Educação do Campo na perspectiva do desenvolvimento local

Gislene Silva Dutra

Resumo


A Educação do Campo se apresenta como uma proposta que vem desconstruir a visão restrita da produtividade e ampliar uma proposta de campo como um espaço de vida visando a uma transformação consciente da realidade local. O objetivo do artigo é discutir a proposta de Educação do Campo, seus limites e potencialidades, na perspectiva do desenvolvimento local. Foi possível constatar que os limites da Educação do Campo ainda se ancoram na falta de investimento na formação de professores e falta de infraestrutura das escolas de campo.

Palavras-chave: educação do campo; escolas de campo; desenvolvimento local; formação docente; infraestrutura; livro didático.


Referências


ANTÔNIO, Clésio Acilino; LUCINI, Marizete. Ensinar e aprender na educação do campo: processos históricos e pedagógicos em relação. Cad. Cedes, Campinas, vol. 27, n. 72, p. 177-195, maio/ago. 2007. Disponível em: . Acesso em: 20 abr.2014.

BRASIL. Constituição Federal Brasileira 1988. Texto consolidado até a Emenda Constitucional n° 58, de 23 de setembro de 2009. Brasília, 1988. Disponível em: . Acesso em: mar. 2016.

BRASIL, Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Disponível em: . Acesso em: 15 jan. 2014.

BRASIL. Parecer nº 36/01-CNE-CEB, de 4 de dezembro de 2001. Diretrizes Operacionais para a Educação Básica nas Escolas do Campo. Disponível em:. Acesso em: 12 jan. 2013.

BRASIL. Programa Nacional de Fortalecimentos dos Conselhos Escolares: Conselho Escolar e a Educação no Campo. Brasília: MEC/SEB, 2006.

BRASIL. Educação do campo: diferenças mudando paradigmas. Brasília: MEC/SECAD, 2007. Disponível em: . Acesso em: Março/2016.

BRASIL. Resolução N° 2 do CNE/CEB, de 28 de abril de 2008. Disponível em: Acesso em: março/2016.

BRASIL. Decreto Nº 7.352, de 4 de novembro de 2010. Disponível em: Acesso em: março/2016.

BRASIL. Resolução Nº 40 do CNE/CEB, de 26 de Julho De 2011. Disponível em: . Acesso em: março/2016.

BRASIL. Programa Nacional de Educação do Campo- Pronacampo: Documento Orientador. 2013. Disponível em:Acesso em: março/2016.

BRASIL. Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa: Educação Matemática do Campo. Brasília: MEC,SEB, 2014 a.

BRASIL. Edital n° 4 de convocação para o processo de inscrição e avaliação de obras didáticas para o programa nacional do livro didático do campo. 2014 b. Disponível em: . Acesso em: março/2016.

CALDART, R.S. Elementos para a construção do projeto político-pedagógico da Educação do campo. IN: PARANÁ, Secretaria de Estado de Educação. Cadernos Temáticos: Educação do Campo. Curitiba: SEED/PR, 2005. P.23-34.

DIEESE; NEAD; MDA. Estatísticas do meio rural 2010-2011. 4 ed. São Paulo: DIEESE; NEAD; MDA, 2011.

DOWBOR, Ladislau. Educação e apropriação da realidade local. Disponível no site Acesso em: 21/03/2016.

FERNANDES, B. M.; MOLINA, M. C. O campo da Educação do Campo. In: MOLINA, M. C.; JEZUS, S. M. S. A. (Orgs.). Por uma Educação do Campo. Brasília: NEAD, 2004, v. 5, p. 53-89.

JANATA, Natacha Eugênia. Educação do campo: as marcas dessa trajetória. In: BRASIL. Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa: Educação Matemática do Campo. Brasília: MEC, SEB, 2014.

KOLLING, Edgar Jorge. NERY, Ir. MOLINA, Mônica Castagna. Orgs. A Educação Básica e o Movimento Social no Campo (Memória). Brasília, 1999.

MESZÁROS. István. A Educação para além do capital. São Paulo: Bontempo, 2005.

MUNARIM, A.Movimento Nacional de Educação do Campo: uma trajetória em construção. 2008. Disponível em:. Acesso em: março/2016.

SILVA, Ataíze Mota da. GONZAGA, Magnus José Barros. Formação De Professores: Desafios À Educação Do Campo. Disponível em: . Acesso em: março/2016.

SOUZA, Maria Antônia de. Educação do Campo, Desigualdades Sociais e Educacionais. Educ. Soc., Campinas, v. 33, n. 120, p. 745-763, jul.-set. 2012. Disponível em:

TARDIF. Maurice. Saberes e formação profissional. 8ª ed. Petrópolis. Rio de Janeiro: Vozes, 2007.

TORRES, Júlio Cesar; SILVA, Cláudio Rodrigues da; MORAES, Agnes Iara Domingos. Escolas públicas no campo: Retrospectiva e perspectivas em um contexto de projetos políticos em disputa. Revista Eletrônica de Educação, v. 8, n. 2, p. 262-272, 2014. Disponível em:.Acesso em: 05/03/2016.

VIEIRA, Ana Luisa. Educação do Campo sofre com políticas fragmentadas. Disponível em:fevereiro de 2015. Acesso em: 08/03/2016


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Área do conhecimento: Ciências Humanas

Ano de fundação: 2010

ISSN: 2236-3165

DOI: 10.30681/2236-3165

Título abreviado: Even. Pedagóg.

E-mail: eventospedagogicos@unemat-net.br

Unidade: Faculdade de Educação e Linguagem - FAEL

Avaliação QUALIS Quadriênio 2013-2016: B1 Ensino; B3 Planejamento Urbano e Regional / Demografia; B4 Ciências Ambientais; B4 Educação Física; B4 Interdisciplinar; B4 Linguística e Literatura; B4 Sociologia.

cope_75 Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

88x31_88 Este periódico está licenciado sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 3.0 Não Adaptada. http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/deed.pt_BR