A linguagem cinematográfica na constituição do sentido na obra fílmica ‘Abril Despedaçado’

Catichilene Gomes de Souza

Resumo


Busca-se neste artigo promover a análise cinética do filme Abril Despedaçado dirigida por Walter Salles. O cinema assim como qualquer outro gênero textual tem uma linguagem própria que nos permite compreender os sentidos produzidos, dessa forma, o artigo apresenta os recursos cinematográficos que compõem a Linguagem Cinematográfica. A partir desses recursos, sob a luz dos estudos de Marcel Martin, procura-se então, identificar os símbolos que contribuem para a produção/construção do sentido.

Palavras-chave: letras; gênero textual; cinema; Abril Despedaçado; linguagem cinematográfica; simbologia; Marcel Martin.


Referências


GOTTARDI, A.M. O discurso fílmico de Abril Despedaçado: A retórica do poético. In: ______ . (Org.). A retórica das mídias e suas implicações ideológicas. São Paulo: Arte e Ciência, 2006.

MARTIN, M. A Linguagem Cinematográfica. São Paulo: Brasiliense, 2003.

PARENTE, A. Narrativa e Modernidade: os cinemas não-narrativos do pós-guerra. Campinas: Papirus, 2000.

SALLES, W. Abril Despedaçado [Filme]. Barueri – SP: Vídeos Filmes, 2002.

VANOYE, F; GOLIOT-LÉTÉ, A. Ensaio Sobre a Análise Fílmica. 2.ed. Campinas: Papirus, 2002.

XAVIER, I. O Discurso Cinematográfico: a opacidade e a transparência. 3.ed. São Paulo: Paz e Terra, 2005.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Área do conhecimento: Ciências Humanas

Ano de fundação: 2010

ISSN: 2236-3165

DOI: 10.30681/2236-3165

Título abreviado: Even. Pedagóg.

E-mail: eventospedagogicos@unemat-net.br

Unidade: Faculdade de Educação e Linguagem - FAEL

Avaliação QUALIS Quadriênio 2013-2016: B1 Ensino; B3 Planejamento Urbano e Regional / Demografia; B4 Ciências Ambientais; B4 Educação Física; B4 Interdisciplinar; B4 Linguística e Literatura; B4 Sociologia.

cope_75 Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

88x31_88 Este periódico está licenciado sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 3.0 Não Adaptada. http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/deed.pt_BR